puro sertão - Sertanejo

domingo, 2 de junho de 2013

MP consegue desarticular quadrilha suspeita de fraudar concursos

O Ministério Público do Estado do Ceará (MP-CE), através do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) em conjunto com a Polícia desarticulou uma quadrilha, formada por sete pessoas, neste domingo (2), acusada de fraudar concursos públicos no Ceará.
Conforme o MP, o crime seria praticado por candidatos inscritos no concurso, que receberiam as respostas das questões da prova, através de um ponto eletrônico. A quadrilha cobrava 30 mil reais para os candidatos participantes da fraude.
Na operação, foram cumpridos mandados de prisão temporária e de busca e apreensão, expedidos pelo juiz da 3ª Vara Criminal de Fortaleza. Com os acusados, foram apreendidos o material e com o líder da quadrilha foram encontrados quarenta e um pontos eletrônicos.
Conforme o promotor de Justiça, Manoel Epaminondas Vasconcelos Costa, além do trabalho investigativo para prender a quadrilha, o certame teve cuidados adicionais. "O edital previa que os candidatos não poderiam ter acesso ao prédio com qualquer equipamento eletrônico. A organização do concurso, a cargo da Fundação Carlos Chagas, também usou detector de metais. Sabemos que isso causou transtornos para os candidatos, mas foi necessário para garantir a lisura do certame já que o Gaeco conhecia a forma de atuação da quadrilha e detinha informações de que ela agiria no início da manhã do concurso", disse.
Fonte:www.cearaagora.com.br

Nenhum comentário: